Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Girl Lifestyle

Blog pessoal * DP

Girl Lifestyle

Blog pessoal * DP

A minha cidade #2

O meu Porto é assim… lindo, fantástico e maravilhoso!

Após uma fase mais trabalhosa, tirei uns dias de férias! Queria eu ir laurear a pevide (cá dentro), mas o tempo esteve tão assustador que resolvemos ficar por casa, não fossem as férias tornarem-se em algo para esquecer.

Felizmente vivemos numa cidade maravilhosa que tem muito a oferecer e foi de facto interessante andar a passear em dias de semana e apreciar o nosso Porto com calma.

Tinha muita curiosidade em conhecer o Hotel The Yeatman, que se apresenta na encosta de Vila Nova de Gaia com uma vista privilegiada e deslumbrante sobre a minha cidade.

Sobre o Hotel, os próprios dizem:

"Grande parte das antigas empresas de vinho do Porto foram fundadas por famílias britânicas. Hoje em dia, algumas delas são ainda detidas pelos seus sucessores. A família Yeatman, que iniciou o comércio de vinho do Porto em 1838, era considerada uma das mais distintas e empreendedoras famílias produtoras de vinho do Porto. Os seus descendentes mantêm a tradição, sendo proprietários de três das mais famosas empresas de Vinho do Porto.

 

Em meados dos anos 90, a família abriu o primeiro hotel de nível mundial no Vale do Douro, uma propriedade pertencente à cadeia Relais & Châteaux, que contribuiu para que a extraordinária região do Douro fosse considerada um destino turístico vínico de luxo.

 

Em 2006, surgiu a oportunidade de nascer um projecto magnifico e com muita visibilidade, um hotel de luxo que será um marco na cidade do Porto. Com uma excelente localização, proporciona vistas deslumbrantes para o centro histórico do Porto. Com o nome The Yeatman, em comemoração à forte ligação existente entre a história da família e a cidade do Porto, o hotel beneficiará da elevada experiência dos seus proprietários na produção de vinho do Porto de qualidade e na gestão em hotelaria de luxo.

 

Aberto desde Agosto de 2010, é o local de eleição no Porto, o hotel que define a cidade."

 

Aqui ficam algumas fotografias deste local magnifico.

 

IMG_20151104_153301.jpg

IMG_8434.JPG

IMG_8435.JPG

 

IMG_8478.JPG

IMG_8481.JPG

 

IMG_8473.JPG

 

IMG_8451.JPG

 Dora Pinto

 

 

Tendência #11

Boots Over the Knees

Elas estão aí e vieram para ficar.

Este tipo de botas são um bom aliado nestes dias tão chuvosos, a par de uma trench coat fazem a dupla perfeita para chegar ao trabalho, o mínimo molhada possível.

 

Confesso que não considero que fiquem bem a todas as mulheres.

 

Apesar de gostar, não me imagino com umas. Embora tenha botas de cano alto (que não são fáceis de encontrar para mim, pois calço 35/36, sou baixinha e arredondada, para ficar bem no pé, geralmente ficam apertadas nos gémeos e não quero que as minhas pernas pareçam presuntos esgaçados!) gosto de usá-las apenas com saias ou vestidos e não passam a zona dos joelhos.

 

Para calçar estas botas (over the knees) considero que se deva ter, no mínimo, as pernas “mais para o magras” e não ser tão baixinha como eu, se não, incorre-se no risco de parecer ainda mais baixa! Ainda assim, se a vontade for muita de usá-las, procurar usar com saias/ vestidos, para que haja diferença entre a saia e o fim do cano das botas.

 

Também defendo, tal como no Manual da Moda, que a moda é para todos. Ainda assim, podemos e devemos ter em consideração aquilo que nos favorece, pois por vezes, sucede que se quer à força toda usar uma coisa que está na moda e o resultado nem sempre é o espectável.

 

Aqui ficam algumas sugestões que gostei bastante para servirem de inspiração:

over-the-knee_final_05.jpg

over-knee-kardashians.jpg

comprando-bota-over-the-knee.jpg

bota-over-the-knee-.png

bota8.jpg

317.jpg

 FB_IMG_1446499697794.jpg

FB_IMG_1446499810744.jpg

FB_IMG_1446499942886.jpg

FB_IMG_1446500036130.jpg

FB_IMG_1446500061008.jpg

FB_IMG_1446500086629.jpg

FB_IMG_1446500128874.jpg

FB_IMG_1446500199273.jpg

Dora Pinto

 

 

Leitura #1

Olá Novembro!

E Novembro traz mais tempo disponível para o que gosto de fazer.

Vamos começar por pôr leituras (de entretenimento) em dia.

18645626_v7KZw.jpeg

 

"O êxito de vendas mais rápido de sempre.

O livro que vai mudar para sempre o modo como vemos a vida dos outros.

 

Todos os dias, Rachel apanha o comboio... No caminho para o trabalho, ela observa sempre as mesmas casas durante a sua viagem. Numa das casas ela observa sempre o mesmo casal, ao qual ela atribui nomes e vidas imaginárias. Aos olhos de Rachel, o casal tem uma vida perfeita, quase igual à que ela perdeu recentemente. 

Até que um dia... 

Rachel assiste a algo errado com o casal... É uma imagem rápida, mas suficiente para a deixar perturbada. 

Não querendo guardar segredo do que viu, Rachel fala com a polícia. A partir daqui, ela torna-se parte integrante de uma sucessão vertiginosa de acontecimentos, afetando as vidas de todos os envolvidos.

 

Críticas de imprensa

«A Rapariga no Comboio é o mais envolvente romance com um narrador inconfiável desde Em Parte Incerta. Este livro vai deixar os seus leitores arrepiados.»

New York Times"

 

O preço na FNAC é de 17,69€ e comprei no Pingo Doce por 14€ :)

Dora Pinto

Pág. 3/3